shopping-bag 0
Items : 0
Subtotal : 0.00
View Cart Check Out

VITÓRIA AO SOL DÁ TERCEIRO LUGAR AOS DIABOS DE LISBOA

IMG_7489_trab

Jogada atacante que culminou em touchdown. Créditos: Lisboa Devils

 

Numa tarde ideal para a prática de desporto, Lisboa Devils e Algarve Sharks encontraram-se no Campo Municipal da Horta da Areia em Faro para um jogo onde estava em disputa o terceiro lugar no Grupo Sul da Liga Portuguesa de Futebol Americano.

Com apenas seis Linhas Ofensivos disponíveis e muitos rookies na convocatória, os Devils cedo tentaram colocar pontos no marcador e logo no primeiro drive o quarterback Bernardo Solipa entregou nas mãos do running back Rafael Pacheco as chaves para o primeiro touchdown do encontro. 6-0 no placard, com falha no pontapé aos postes, num resultado que se manteve inalterado até final do primeiro quarto.

A abrir o quarto seguinte Bruno Cardoso recebe um passe na endzone dos “tubarões” e dilata o resultado para 13-0, com ponto extra concretizado. Após um drive em que a defesa dos visitantes soube suster um bom drive dos Sharks, os Lisboa Devils voltaram a marcar por intermédio de Pedro Flores numa espectacular recepção que coloca o resultado em 20-0.

Outro bom momento da tarde foi protagonizado pelo quarterback Miguel Miranda, numa corrida em que concretiza o touchdown que fechou a primeira parte num esclarecedor 26-0. O terceiro quarto pouca história teve, tendo o resultado ficado inalterado durante os 12 minutos desta parte, com o quarto seguinte jogo a ser o mais emocionante.

A abrir o último quarto os Algarve Sharks marcam touchdown numa corrida do running back Guilherme Vieites, com o ponto extra a ser bem convertido e a retirar o nulo do placard da equipa algarvia.

Logo após este touchdown, Pedro Almeida faz uma corrida diabólica no kickoff return e novo touchdown para os Devils estabelecendo o resultado em 33-7.

Na resposta, os Algarve Sharks marcam touchdown mas que lhes foi retirado por celebração antecipada, numa decisão correta da equipa de arbitragem que já na primeira parte havia retirado acertadamente à nossa equipa um pelas mesmas razões.

Até final do jogo não houve grandes oportunidades de parte a parte, ficando o resultado em 33-7, o que permite aos Lisboa Devils ascender ao terceiro lugar do Grupo Sul da Liga Portuguesa de Futebol Americano.

Do lado dos Lisboa Devils destaque para a vitória assim como para a estreia de vários atletas a marcar, como é o caso de Rafael Pacheco e Pedro Flores, bem como dos atletas André Pinheiro e Jerónimo Sebastião de “diabo ao peito” no Ataque dos Lisboa Devils (embora o Running Back angolano se tivesse estreado nas Special Teams do jogo anterior).

Nota ainda para a boa prestação dos Algarve Sharks, pois com apenas seis meses de existência denotam uma vontade de mostrar serviço, confirmando que apesar de rookie é uma equipa já com alguma bagagem competitiva e que ontem afirmou em campo que é possível preparar um plantel recém-criado para competir: basta saber o que se pretende e onde se quer chegar.

O próximo jogo será em Cascais, diante dos Crusaders CFA, a 28 de Março, pelas 18h30.

Convocados

ATAQUE

Diogo Cassiano, Willian La Prado, Marco Favinha, Marlon Cassamá, Luís Abreu, Ricardo Costa, André Cunha, Rui Rodrigues, Miguel Valente, Pedro Guerreiro, Miguel Miranda, Bernardo Solipa, Rafael Pacheco, Ricardo Jaquité, Frederico Ferreira, André Amorim, Bruno Pereira, Pedro Flores, Bruno Cardoso, David Silva, Filipe Conceição, André Pinheiro, Jerónimo Sebastião.

DEFESA

Pedro Almeida, Pedro Fernandes, André Jesus, Fernando Cardoso, Paulo Martins, David Martins, Fábio Alves, Rúben de Barros, Pedro Mouta, Lourenço Tavares, João Almeida, Bruno Fonseca, Miguel Santos, Joel Santos, Nuno Almeida, Dinu Buzut, Frederico Martins, Paulo Fonseca, Antoine Fernandez, Paulo Nunes, Miguel Sepúlveda, Ivo Nascimento.

Capitães: André Amorim, Bernardo Solipa, David Martins e Ivo Nascimento

Resumo do jogo (FA Portugal)